Programação Brasil

São Paulo - SP

Nave Gris Cia. Cênica – A-VÓS

Foto: Divulgação

No espetáculo A-VÓS, os integrantes da Nave Gris Cia. Cênica homenageiam aqueles que os precederam – os pais de seus pais e seus ancestrais míticos.

Foto: Divulgação

Clique para ampliar

Esta nova criação da companhia, fundada em 2012 e dirigida por Kanzelumuka e Murilo De Paula, realizará 18 apresentações entre abril e maio – nos teatros Arthur Azevedo, Alfredo Mesquita, Cacilda Becker e espaços como Galeria Olido, Centro de Referência da Dança de São Paulo e Fábrica de Cultura Jardim São Luís.

“Diante de uma sociedade ocupada com a satisfação imediata de seus desejos, que esquece o passado e projeta a novidade ao invés do futuro, que consome desenfreadamente e descarta sem pudores o que considera obsoleto, trazendo no próprio corpo o horror ao envelhecimento – reverenciar ‘nossos velhos’ vai na contracorrente e ganha a dimensão de um ato estético-político”. Tal constatação conduz a concepção do espetáculo, cujo processo criativo começou de forma independente em novembro de 2015, a partir da parceria de Kanzelumuka e Murilo De Paulo, da Nave Gris, com o bailarino Fredyson Cunha.

No final de 2016 o projeto foi contemplado pela 21ª edição do Programa de Fomento à Dança da Cidade de São Paulo, o que possibilitou a criação efetiva e a produção do espetáculo. A ideia partiu da vontade dos três criadores-intérpretes, que pretendiam homenagear seus avós com um espetáculo que tem como matéria poética as memórias que guardam de seus entes mais velhos – em especial a gestualidade e o imaginário presentes em seus ofícios, que os conecta com a ancestralidade e com os saberes presentes nas comunidades de tradições afro-brasileiras e ameríndias, em que os anciãos e os ancestrais são as fontes vivas do conhecimento.

Foto: Divulgação

Clique para ampliar

  O espetáculo abre espaços para a relação com a memória e a percepção cíclica do tempo. “Queremos chamar a atenção para a sabedoria dos avós, para seus ofícios manuais, para a importância da ancestralidade”, diz Murilo De Paula, um dos criadores-intérpretes do espetáculo.

A alfaiataria, o bordado, a marcenaria, a construção civil, a música e o canto, ofícios dos avós dos artistas da companhia, foram inspirações na criação da gestualidade que compõe o espetáculo. A trilha de seus afetos mais íntimos também os leva ao encontro dos “avós do mundo”, ancestrais que habitam o mistério e os mitos. São evocados na encruzilhada dos caminhos trilhados por cada bailarino-criador, onde o contato com os rituais funerários dos índios Bororos, com a dança butô e as danças e narrativas dos minkisi transformam-se em ressonâncias que serviram como chaves para a abertura de um espaço-tempo mítico.

No dia 20 de maio, na Galeria Olido, a apresentação de A-VÓS incluirá o show Cantos de Avós, com Paulinho Gama e Adelitaavós de um dos artistas criadores do espetáculo. A dupla, em atividade desde 1968, realizou gravações de sucesso, como as músicas Para Pedro e composições próprias, como Moça Bonita, Casinha Branca, Paraná Querido, Blusa Amarela, entre outras. Em um encontro caloroso com o público, os dois cantores levarão ao palco um repertório composto pela música caipira, o sertanejo raiz e ritmos tradicionais gaúchos, além de partilhar com o público um pouco de suas histórias e trajetória.

6 de abril a 27 de maio/2018
Grátis

Teatro Municipal da Mooca Arthur Azevedo:

6 a 8 de abril/2018. Sexta e sábado às 21h e domingo às 19h.

Av. Paes de Barros, 955, São Paulo (SP), tel. (11) 2604-5558. Capacidade: 349 lugares.

 

Teatro Municipal de Santana Alfredo Mesquita:

13 a 15 de abril/2018. Sexta e sábado às 21h e domingo às 19h.

Av. Santos Dumont, 1770, Santana, São Paulo (SP), tel. (11) 2221-3657. Capacidade: 198 lugares.

 

Teatro Municipal da Lapa Cacilda Becker:

20 a 22 de abril/2018. Sexta e sábado às 21h, domingo às 19h.

Rua Tito, 295, Vila Romana, São Paulo (SP), tel. (11) 3864-4513.

Capacidade: 198 lugares.

 

CRD – Centro de Referência da Dança da Cidade de São Paulo:

26 a 28 de abril/2018. Quinta a sábado às 19h.

Baixos do Viaduto do Chá, s/nº, Centro, São Paulo (SP), tel. (11) 3214-3249. Capacidade: 65 lugares.

 

Galeria Olido – Sala Paissandu:

17 a 20 de maio/2018. Quinta a sábado às 20h, domingo às 19h (dia 20, após o espetáculo, show Cantos de Avós, com Paulinho Gama e Adelita).

Av. São João, 473, Centro, São Paulo (SP), tel. (11) 3331-8399. Capacidade: 236 lugares.

 

Fábrica de Cultura Jardim São Luiz:

26 e 27 de maio/2018. Sábado e domingo às 16h.

Rua Antonio Ramos Rosa, 651, Jardim São Luiz, São Paulo (SP), tel. (11) 5510-5530. Capacidade: 260 lugares.

Classificação etária: livre.